Buscar
  • Miguel Leão

TURFE - DOMINGO - 27.01


Programação equilibrada e de nível técnico razoável para esta tarde na Gávea. Serão nove páreos na pista de grama macia e uma cerca móvel com seis metros de extensão na reta final.

Ontem tivemos alguns rateios altos e apenas três favoritos ganhando. Por coincidência, estes ganhadores foram os mesmos que selecionamos para nossa acumulada de vencedor feita pela manhã. A PATADA DO LEÃO (em fase de pouca sorte), praticamente não correu, já que DESEJO OUSADO derrubou seu piloto logo após a partida da última prova. Em relação ao ALERTA DO LEÃO (LA BLONDE) foi bem apostada no sexto páreo e finalizou na terceira posição.

O movimento geral de apostas foi aquém da expectativa com o montante de R$ 676.000 para nove provas disputadas.

Vamos às nossas análises para logo mais.

1º páreo => 1000 metros

Páreo difícil que marca a abertura da reunião. CHARLES AZNAVOUR é cavalo algo enganador que não costuma confirmar as esperanças nele invariavelmente depositadas. É força sem ser barbada em nossa opinião. A parelha do Stud Acqua Azul com LIBERAL e FEELING, é forte rival e deve ser colocada na Supertri Inicial. JATO DO AMOR é o tertius natural.

CHARLES AZNAVOUR (03) = LIBERAL (04) = JATO DO AMOR (06)

2º páreo => 1500 metros

JET LAG já atuou em companhias mais reforçadas e na direção do recordista mundial de vitórias Jorge Ricardo, poderá alcançar mais uma vitória em sua campanha. Terá fortes rivais em AGASSI que parece render menos com o calor e GALAXY RUNNER que está em evolução. O veloz VON MILLER se conseguir florear na vanguarda sem ser incomodado é bem colocado na trifeta.

JET LAG (05) = AGASSI (02) = GALAXY RUNNER (04)

3º páreo => 1600 metros

Carreira que deverá ser decidida entre MÁQUINA DO RAUL que correu muito na sua última apresentação e o estreante ACHAVAL FERRER que só atuou uma vez no Paraná quando venceu com grande facilidade. Dupla bem apontada em nossa opinião. JUAN ACTEON que estreou regularmente em setembro, foi para o Centro de Treinamento e certamente deverá produzir muito mais hoje.

ACHAVAL FERRER (04) = MAQUINA DO RAUL (02) = JUAN ACTEON (06)

4º páreo => 1000 metros

Produtos de cinco anos e mais sem vitória.

Aquele habitual confronto semanal de pangarés com uma grande novidade, que é a presença de Jorge Ricardo no dorso de UP SPEED. Esta égua hoje com L1 defende a jaqueta do Stud dos Parceiros (que é aquele que mais cresce no país segundo Celson Afonso) é uma das forças, apesar de ser muito cerqueira e cheia de truques. Por causa destas manhas a deixaremos apenas como tertius. Ficaremos com BOBBY-TRAP que vendeu muito jogo ao estrear, para ponta. Cabe ressaltar que é o único inscrito que não está medicado. Chance positiva ainda para KATY PERRY também com L1. Sempre regulou com TRICOLLETA que alcançou o seu segundo triunfo na semana passada, e por isso não pode ser tirada do jogo. Tipo do páreo que ninguém pode prever com convicção o que irá acontecer, e que o bom senso manda encher no Pick 7. Para atrapalhar ainda mais os estudos, aparecem aqui dois animais estreantes “ficha limpa” (EXTRAORDINÁRIO e YAMAMOMI TIGRESS), que merecem bastante atenção no cânter e jogo na pedra. E por mais incrível que possa parecer, JURASSIC FLYER mesmo aos oito anos também não deve ser totalmente descartado nesta lotérica e pavorosa competição.

BOOBY-TRAP (04) = KATE PERRY (08) = UP SPEED (03)

5º páreo => 2000 metros

Grande Prêmio Escorial – Grupo III

Seletiva para o Latinoamericano.

Apesar de termos poucas inscrições (cinco ao todo), gostaríamos de entender os motivos que levaram os responsáveis a decidirem pela utilização da cerca móvel com seis metros de extensão em prova seletiva e de tamanha relevância. Como os nossos dirigentes sempre possuem uma desculpa conveniente, é melhor deixarmos isso para lá e comentarmos as chances de cada um.

SUPER BOLD => em boa forma, porém o páreo está forte.

MEM CADE CE => o mais novo do lote e tido em alta conta pelos seus responsáveis. Muita chance de vitória.

OLYMPIC HOLLYWOOD => vem de excelente atuação em 2400 metros. Perigoso.

OR NOIR => até o momento é o de melhor retrospecto, todavia estaria mais à vontade em percurso maior.

FILLMORE => uma grande incógnita, até porque na direção de Jorge Ricardo deverá correr próximo aos ponteiros.

Páreo vazio e de ótima qualidade técnica em que ficaremos com o mais novo MEM CADE CE levando peso de seus adversários para vencedor. OR NOIR torcerá por ritmo intenso para poder atropelar forte na reta de chegada, é inimigo temível. Prova em que acreditamos terá final eletrizante.

MEM CADE CE (02) = OR NOIR (04) = OLYMPIC HOLLYWOOD (03)

6º páreo => 1600 metros

Produtos de três anos sem vitória

Como o provável favorito JEUNE COUREUR vindo de quatro segundos lugares consecutivos é manhoso e encabulado, vamos deixá-lo apenas para trifeta. Optaremos pela indicação do estreante DON ITÁ trazendo vitórias do sul em sua bagagem para ponta. Direção de Vagner Borges e treinamento de Adelcio Menegolo é uma combinação que merece respeito. Para dupla vamos com LETAL CURRY que perdeu corrida chorada na última após largar em baliza desfavorável. É bastante perigoso, mesmo estando “sanfonado”. Para quadrifeta os nomes de OLYMPIC IRON que nem sempre tem bom pique de partida e do faturador MARIO SERGIO são bem lembrados.

DON ITÁ (03) = LETAL CURRY (01) = JEUNE COUREUR (05)

7º páreo => 1300 metros

Carreira equilibrada reunindo animais que rendem o máximo na pista de grama. Vamos insistir na indicação de FOUR FINISH para vencedor. Está aos poucos voltando à sua melhor forma, e mesmo estando longe de ser barbada, levará o nosso voto. Terá poderosos rivais no manhoso LION KING vindo de vitória, NA ARENA cuja última corrida “não valeu”, FAJO que vem de triunfo firme e LORD GUI que está correndo muito abaixo do que esperam seus responsáveis.

FOR FINISH (02) = NA ARENA (03) = LORD GUI (07)

8º páreo => 2000 metros

Gostamos muito de DOM PASCHOAL em outra boa montaria do supercampeão Jorge Ricardo. Retornando aos dois mil metros é o nome a ser batido na competição. Para dupla ficaremos com GOTKENS vindo de ótima corrida em turma mais forte. VENUS BERG com L1 e LITTLE SECRET vindo de pequeno descanso são outros nomes viáveis na prova, principalmente para escolta do nosso indicado.

DOM PASCHOAL (08) = GOTKENS ( 04) = VENUS BERG (01)

9º páreo => 1500 metros

Produtos de três anos sem vitória.

Claiming C1.

Chamada sempre traiçoeira, onde surpresas costumam acontecer com relativa freqüência. Aparentemente quatro números se destacam e devem ser colocados na Supertri Final. A parelha do haras Uberlândia composta pelo manhoso DARDO FIEL e pelo veloz MAESTRO DO AGRESTE que deverá ser a favorita, YEVGUENI ONEGUIN que vai estrear após um segundo lugar no Paraná em sua única atuação, GAULOIS que não teve direção feliz na sua derradeira apresentação após largar com pequeno atraso e MAC RED que volta ao páreo onde correu na penúltima e chegou junto com DARDO FIEL. Páreo difícil e bem selecionado para quadrifeta.

DARDO FIEL/MAESTRO DA SERRA (02) = GAULOIS (04) = MAC RED (11)

INDICAÇÕES FINAIS

ACUMULADA DE VENCEDOR

2º => JET LAG (05)

5º => MEM CADE CE (02)

8º => DOM PASCHOAL (08)

ACUMULADA DE PLACÉ

1º => CHARLES AZNAVOUR (03)

2º => JET LAG (05)

5º => MEM CADE CE (02)

8º => DOM PASCHOAL (08)

BARBADA DO LEÃO

2º => JET LAG (05)

MELHOR PLACÉ

8º => DOM PASCHOAL (08)

MELHOR DUPLA

5º => 24

PATADA DO LEÃO

7º => FOR FINISH (02)

ALERTA DO LEÃO

6º => JEUNE COUREUR (05)

PÁREO MAIS DIFÍCIL

RESGATE DO LEÃO

7º => FOR FINISH (02)

8º => DOM PASCHOAL (08)

9º => DARDO FIEL/MAESTRO DA SERRA (02)

YEVGUENI ONEGUIN (03)

GAULOIS (04)

MAC RED (11)

Boa sorte a todos e até amanhã.

Miguel Leão


0 visualização

© 2023 por ESPORTES EM FOCO. Orgulhosamente criado com Wix.com