Buscar
  • Miguel Leão

TURFE - NA JAULA DO LEÃO


TURFE – NA JAULA DO LEÃO

Vamos fazer um breve resumo sobre o que mais de relevante aconteceu neste final de semana no esporte dos reis, além de uma pequena revisão sobre o que marcamos de bom e ruim em nossas habituais indicações feitas nas manhãs de corridas na Gávea.

Valdinei Gil, Jorge Ricardo e Luis Esteves foram os profissionais com maior destaque no último final de semana.

O primeiro pelo número de vitórias (seis no total), obtidas com aquela costumeira frieza e noção de percurso, característica dos grandes ginetes.

O segundo ganhou duas provas de Grupo I, a primeira através de TAURIGA após decisão (contestada por muitos turfistas) da Comissão de Corridas, com a desclassificação da ganhadora LISBOETA. Sua segunda vitória com ARROCHA foi precisa, digna de um jóquei recordista mundial de vitórias. Correu com um “cronômetro na cabeça” dosando bem seu animal, mantendo à distância o forte ataque de QUARTETO DE CORDAS, para ganhar por meio corpo. Direção nota dez.

O terceiro deu show mais uma vez como treinador, ao emplacar mais duas provas de Grupo para sua coleção, com os triunfos convincentes de ESSENTIAL LORD e LAMARTINE.

Em relação aos animais apresentados no conjunto de reuniões, nos chamou bastante atenção a exibição do estreante GALLIPOLLI no sexto páreo de domingo. Largou devagar, porém se recuperou a tempo para ganhar com expressiva autoridade em ótimo tempo. Podemos estar enganados, todavia prevemos um futuro brilhante para este filho de WILD EVENT, defendendo a vitoriosa farda do Haras Santa Maria de Araras.

Como destaque negativo, foi sem dúvida alguma a desastrosa direção do excelente jóquei Vagner Borges no dorso de LITTLE BAD GIRL na quarta prova de domingo. Prejudicou de forma acintosa (ao levar sua conduzida para dentro) a potranca GAIVINA que vinha ao seu lado nos últimos trezentos metros, e com isso acabou resultando na desclassificação de LISBOETA (sua companheira de stud), que havia vencido a prova. Decisão bastante polêmica, mas que consideramos justa. Se ainda considerarmos o fato que o campeão da estatística deste ano estava cumprindo suspensão por causa de uma “tourada” recente onde foi um dos protagonistas, só podemos lamentar que tenha se excedido mais uma vez. Receberá quatro corridas como punição (deveria ser mais), e vamos torcer que este “novo castigo” sirva como lição para o ótimo jóquei tricampeão da estatística.

No tocante às “marcações leoninas”, acertamos apenas 07 vencedores entre os 36 páreos disputados. Aproveitamento de 19%, índice baixo, em nosso critério de avaliação. É bem verdade que apenas 09 favoritos passaram na frente com 21% de aproveitamento, numa semana difícil diante da transferência da maioria das corridas para areia.

Nenhuma PATADA DO LEÃO ganhou, apesar de TAKSIM e MANANCIAL terem formado a dupla. A nossa melhor pule foi JANE FONDA (4,20), no 5º páreo de ontem. Aqui cabe um parêntesis em relação ao treinador Renan Marques. Tem mantido alto índice de aproveitamento com sucessivas vitórias. Os animais que estão sob seus cuidados vêm sendo mantidos em boa forma, vencendo ou faturando para os seus respectivos proprietários. Em relação ao ALERTA DO LEÃO, três selecionados por nós não fizeram placé (TOURO BRAVO, JOKEMASTER e TINA AMBRÓSIO). Sempre aconselhamos os parceiros do blog a fugirem dos páreos em que destacamos os ALERTAS, sem que isso possa ser considerado como “negativa”.

A MANCADA DO LEÃO ficou por conta de FRUTA DOCE no 5º páreo de domingo, quando escolhida como ALERTA daquele dia, ganhou firme com rateio acima da nossa expectativa.

No tocante ao movimento geral de apostas, foi apenas razoável. A programação de sábado com 04 grandes prêmios chegou aos R$ 850.000, montante relativamente bom. Já no domingo foi bem fraco e voltou a melhorar como de costume, com as duas noturnas.

Vamos torcer que o esforçado handicappeur Vicente ao elaborar a ordem dos páreos para programação do próximo final de semana, tenha o mínimo de bom senso para evitar os sucessivos erros crassos que têm sido marcantes em nossas reuniões (principalmente nos sábados).

Antes de encerrarmos, gostaríamos de salientar os “pitacos” feitos por Roberto Fonseca nas provas clássicas de sábado na Gávea. Acertou “na mosca” a indicação de ESSENTIAL LORD para ponta no quilometro, além de apontar o vencedor ARROCHA e a exata com QUARTETO DE CORDAS nos 2000 metros. Ótimas dicas com rateios compensadores, que não constituíram nenhuma surpresa para quem acompanha o “craque das letras” no meio turfístico.

Sábado estaremos de volta com os comentários habituais.

Miguel Leão


143 visualizações

Posts recentes

Ver tudo

TURFE - SEGUNDA FEIRA - 23.11

Programação regular e equilibrada esta tarde no Hipódromo da Gávea com início previsto para 16 horas. Como estamos postando cedo, faremos nossas indicações para as pistas do programa. Caso haja transf

TURFE - DOMINGO - 22.11

Programação regular para esta tarde na Gávea com oito páreos na pista de areia macia e um na grama pesada (o quinto), com uma cerca móvel e seus "discretos" nove metros de extensão. Cabe ressaltar que

© 2023 por ESPORTES EM FOCO. Orgulhosamente criado com Wix.com